domingo, 21 de setembro de 2008

ESCOLA QUE PROTEGE


video


O Escola que Protege é um projeto da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade - SECAD/MEC, destinado à capacitação de professores de escolas de ensino fundamental e médio, para que possam trabalhar com prevenção e intervenção nas situações de violência contra crianças e adolescentes. Busca atuar na formação de profissionais tornando a escola uma instituição protetora.*

A Universidade Federal do Paraná - UFPR participa do projeto com um programa de capacitação que contempla aspectos teóricos, conceituais e metodológicos da temática violência.

Em Foz do Iguaçu, a segunda turma está em andamento. De 20 de agosto a 05 de novembro, a violência será abordada em múltiplas dimensões.

Tive o prazer de participar nesta turma de formação com o tema Interfaces da Violência. Conforme compromisso firmado com as turmas, disponibilizo os slides e este canal virtual para contato. Um grande abraço a todos.

link.http://br.youtube.com/watch?v=vmxRvZH8Evg

Nara Oliveira

* Fonte: Livro Por uma Escola que Protege: A Educação e o Enfrentamento à Violência contra Crianças e Adolescentes organizado por Paulo Vinicius Baptista da Silva, Jandicleide Evangelista Lopes e Arianne Carvalho; Editora UEPG; Cátedra UNESCO de Cultura da Paz UFPR; 2008.

sexta-feira, 25 de abril de 2008

UM OLHAR POSITIVO SOBRE O MUNDO

Promover a divulgação de imagens positivas é a proposta do site Imagens da Paz. A iniciativa congrega fotógrafos pacifistas e disponibiliza gratuitamente um banco de imagens para campanhas educativas sem fins lucrativos promovidas pelo terceiro setor.

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

PERFIS BIOGRÁFICOS

No Portal Infoamerica você acessa um banco de dados biográficos sobre centenas de personalidades. Além de conhecer um pouco da vida de pensadores que se destacaram em uma infinidades de áreas do conhecimento, poderá ampliar o seu conhecimento do idioma espanhol.
Confira a lista: Infoamérica

AMPLIE SUA BIBLIOTECA DIGITAL

Na página da UNESCO Brasil você encontra vários livros digitais sobre educação, ciências naturais, ciências humanas e sociais, comunicação e informação. São títulos explorando uma diversidade de assuntos, disponbilizados em pdf.
Acesse a lista.

quarta-feira, 25 de abril de 2007

CULTURA DE PAZ

A cultura de paz fundamenta-se nos princípios de liberdade, solidariedade, democracia, diversidade cultural e no intercâmbio dialógico entre sociedades arregimentado em acordos e documentos internacionais fomentadores da paz entre pessoas, grupos e nações.
Consulte alguns destes
documentos e saiba mais sobre a Década Internacional para uma Cultura de Paz e não-violência para as crianças do mundo.

AÇÃO VERSUS "TEORIA DE POLTRONA"

Estudar a história do ativismo é um passo para o entendimento da ação voluntária.
O Dr. David Adams, psicólogo responsável pela implantação do programa Cultura de Paz da UNESCO, pesquisa o perfil, motivações e filiação ideológica dos ativistas pela paz. Afirma que muitas pessoas partilham de valores e propósitos pacíficos, no entanto se limitam a uma teoria de poltrona presente, não somente mas também, nas universidades e igrejas.
Consulte alguns de seus textos publicados no Comitê Paulista para a Década da Cultura de Paz.

POSITIVE NEWS

Notícia Positiva é o nome do jornal londrino, em circulação desde 1993, veiculando idéias e fatos que estão ajudando a criar um futuro mais positivo para o mundo e seus povos.
A tiragem do impresso hoje (2007) atinge 75.000 exemplares distribuídos pelo planeta.
Informe-se:
Positive News

segunda-feira, 23 de abril de 2007

VOCÊ SABIA QUE A ANTÁRTICA É UM TERRITÓRIO DE PAZ?

O Tratado da Antártica e o Tratado de Madri referem a Antártica como reserva natural, dedicada à paz e à ciência, proíbem por 50 anos (até 2.047) a exploração econômica dos recursos minerais, regulamentam e controlam as atividades humanas no local.
O Brasil é um dos 15 países membros consultivos dos tratados.

No laboratório branco, os cientistas brasileiros participam do Ano Polar Internacional.
Informe-se no site do Ministério da Ciência e Tecnologia.
Assista a reportagem, em vídeo, da BandNews sobre o Ano Polar Internacional.

MANIFESTO DA UNESCO SOBRE BIBLIOTECAS PÚBLICAS

As bibliotecas públicas são espaços de socialização do conhecimento, verdadeiros supermercados de idéias onde o usuário exerce a liberdade de escolher os produtos culturais que deseja acessar.
Você possui livros inativos? Não estacione o conhecimento! Doe livros para bibliotecas públicas!
Leia o Manifesto da Unesco sobre Bibliotecas Públicas.

"OS LIVROS SERVEM À CAUSA DA COMPREENSÃO INTERNACIONAL E DA COOPERAÇÃO PACÍFICA"

A Carta do Livro, aprovada em Bruxelas e publicada em 28 de outubro de 2004, aborda o livro como instrumento de pacificação. Selecionamos o décimo artigo (título desta postagem) como aperitivo intelectual. Confira.
Tendo em vista que as guerras surgem no espírito dos homens, declara o Ato constitutivo da Unesco, “é no espírito dos homens que devem ser construídos as defesas da paz”. Os livros representam um dos principais meios de defesa da paz, em razão do papel considerável que desempenham na criação de um clima intelectual de amizade e de compreensão mútua. Todos os interessados têm a obrigação de assegurar que o conteúdo dos livros favoreça a plenitude do indivíduo e o progresso econômico e social, a compreensão internacional e a paz.
Leia a íntegra do documento.

"DESPERDÍCIO INSANO DE INTELIGÊNCIA, TALENTO E SENSIBILIDADE EM ESCALA PLANETÁRIA"

É com estas palavras que Cristiana Carvalho Pinto apresenta o vídeo Inclusão Produtiva com Ladislau Dowbor, professor da USP na TV Mercado Ético.

Se você quer saber mais sobre produtividade sistêmica, conectividade, economia do conhecimento, paradigma da colaboração e democracia econômica veja o vídeo.
Aproveite também para conferir o trailler da série Ética, Juventude e Liderança, verdadeira ilustração da relação juventude e consciência social.